Todo mundo sabe que a propaganda é a alma do negócio. Em um mercado cada vez mais competitivo como o da odontologia moderna, ter bem definida uma estratégia de marketing pode ajudar a sua clínica a prospectar novos pacientes e a fidelizar os antigos, garantindo que eles até mesmo aumentem o ticket médio.

Contudo, com tamanhos avanços tecnológicos, nem sempre é fácil definir onde ou de que forma investir para alcançar resultados realmente satisfatórios, não é mesmo?

Se você também compartilha dessa dúvida, continue a leitura deste post e encontre dicas completas sobre marketing para dentistas!

Qual a importância de uma boa estratégia de marketing?

Embora, para muitos empresários, o marketing e a publicidade sejam indispensáveis no sucesso de um negócio, nem todo mundo sabe o quanto uma estratégia bem definida pode trazer de resultados. Veja alguns desses benefícios:

Custos reduzidos

Quando você tem programada e definida a sua estratégia, fica mais fácil definir o quanto e onde investir, além de ter métricas precisas que ajudam a entender o retorno que esse investimento está trazendo para o seu negócio. Isso, obviamente, reduz os seus custos com marketing. Afinal, tudo estará programado e trabalhando para trazer resultados.

Se você não tem uma estratégia definida investirá mais e com menor retorno, já que será difícil mensurar o impacto de cada uma das ações. Um cronograma de atividades, o planejamento adequado e o direcionamento preciso ajudam a extrair mais resultados de um investimento menor, otimizando a sua vida financeira.

Decisões mais acertadas

Quanto mais informações relevantes você tiver à sua disposição, mais fácil será tomar decisões corretas, garantindo a saúde financeira do seu negócio.

Com uma boa estratégia de marketing, você terá acesso a dados sobre o comportamento dos seus pacientes, as ações que trazem mais retorno, as preferências de serviços e outros extremamente importantes, auxiliando na hora de prestar um serviço ainda mais específico e de acordo com a sua demanda.

Diferenciação da sua marca

De acordo com um estudo publicado em 2014, o Brasil é o país que mais tem dentistas no mundo, contabilizando 250 mil dentistas ativos, cerca de 11% de todos os profissionais do planeta. Isso mostra o quanto esse setor é concorrido.

E, afinal, o que fará com que o paciente decida ir até o seu consultório e não ao do profissional concorrente? Provavelmente, o quanto a marca do seu serviço é reconhecida.

Lembre-se daquela máxima de que “quem não é visto, não é lembrado”. Atualmente, mais do que ser visto, você precisa ser notado e percebido como um profissional de destaque no seu setor, que atende as necessidades e as exigências dos pacientes e que presta um serviço de excelência.

E o que melhor do que o marketing para conseguir isso?

Ajuda a fidelizar

Pacientes fiéis, além de não trocarem o seu consultório pela concorrência, ainda optam por tratamentos com ticket médio maior e ajudam a trazer novos pacientes para a sua clínica, fazendo o famoso marketing boca a boca.

Mas, para fidelizar, é preciso ir além do básico. Prestar um serviço de excelência é fundamental, mas você também precisa conhecer quem são os seus pacientes e oferecer a eles uma experiência diferenciada, com benefícios importantes.

Uma boa campanha de fidelização também é papel do marketing, e pode ajudar bastante nas suas finanças ao final do mês.

Qual o passo a passo para criar uma estratégia de marketing eficiente?

Após ler o tópico anterior, já está convencido de que uma boa estratégia de marketing é essencial para ajudar o seu consultório a prosperar, prospectando novos pacientes e fidelizando os antigos? Então, veja como começar a montar a sua estratégia:

Entenda quem você quer atingir

Nenhuma estratégia de marketing será eficiente se não tiver foco ou se desejar atingir um público muito amplo. Assim, quanto mais direcionada ela for, melhores serão os resultados.

Uma boa dica é usar o conceito de persona, em vez de público-alvo. Público-alvo é uma ideia genérica de quem compõe a sua clientela, como mulheres entre 20 e 50 anos que residem na cidade X. Persona, por sua vez, é um perfil semifictício que busca dar uma identidade a essas pessoas.

Por exemplo: Júlia, 25 anos, administradora, com renda entre R$ 2.500-3.000 mensais. Sofre com problemas de estética e gostaria de deixar o seu sorriso mais bonito, mas tem dúvidas sobre os tratamentos mais adequados e acredita que eles sejam muito caros para a sua realidade.

Percebeu como, com uma persona bem definida, você consegue entender melhor quem é a sua clientela e quais os principais desafios que ela enfrenta, pensando em direcionamentos nas suas campanhas para atingir essas dificuldades?

Como um consultório costuma ter um público diferenciado, você poderá criar várias personas para cada um dos seus serviços. Mas, atenção: nada de achismos. Para funcionar, é preciso pesquisar, conversar com seus pacientes reais e basear essas personas em pessoas reais que consomem os seus serviços.

Defina os melhores canais de marketing

Existe uma infinidade de tipos de mídia que você poderá usar na sua estratégia, como rádio, TV, jornais e revistas, e-mail marketing, mídias sociais, outdoor, busdoor, panfletos, vídeos on-line, blogs corporativos, entre outros.

Se você tentar investir em todos esses canais, rapidamente verá o seu orçamento diminuir, e os resultados não vão aparecer. Para definir esse ponto corretamente, analise a sua persona.

Quais são as formas que os seus clientes usam para se informar? Como eles ficaram sabendo do seu consultório? Quais os custos dessas mídias?

Nem sempre investir em uma mídia de massa significa retorno. O rádio, por exemplo, atinge milhares de brasileiros todos os dias, mas será que os seus pacientes costumam ouvir a rádio que você escolheu e no horário em que você pode pagar?

Muitas vezes, é mais vantajoso focar um tipo de mídia apenas e ir, aos poucos, investindo em outras, conforme os resultados forem aparecendo. Desde que, claro, as mídias escolhidas sejam relevantes para as pessoas que você deseja alcançar.

Trace os objetivos e o cronograma das ações

O que você deseja com a sua estratégia de marketing e em quanto tempo quer ver resultados? Existem muitas metas em que você poderá pensar, como atrair novos pacientes, melhorar o conhecimento da sua marca, fidelizar seus pacientes, entre várias outras.

Entretanto, lembre-se sempre de ter objetivos possíveis de acordo com o seu orçamento e com o tempo de retorno estimado. Ou seja, se você tem R$ 500 mensais para investir em determinada mídia, não adianta esperar, por exemplo, atrair uma quantidade enorme de pacientes dentro de 15 dias.

Muitas ações precisam de tempo para trazerem resultados, e você tem que estar atento a isso, criando um planejamento sólido e realista, evitando pausar as estratégias antes do tempo.

Pense nos indicadores de resultados

Como você pode saber se as suas estratégias estão ou não trazendo resultados se não tem como metrificá-las? Os indicadores de resultados são pontos fundamentais que ajudam a balizar as suas ações.

Novamente, existem muitos indicadores que você poderá usar, sendo que eles vão depender, basicamente, do tipo de mídia e do objetivo que deseja.

Por exemplo, se você está investindo em marketing digital e deseja atrair novos pacientes, poderá analisar métricas como o número de acessos no seu site e blog, novas curtidas, compartilhamentos e comentários nas suas redes sociais, solicitações de orçamentos ou informações por e-mail e número de novos pacientes efetivos na clínica.

Planeje o orçamento

É impossível pensar em uma estratégia de marketing eficiente sem orçamento. Assim, tente criar um plano que esteja adequado ao que você pode investir. Se o investimento for pequeno, lembre-se de aumentar o prazo para o retorno esperado.

Hoje, é possível encontrar soluções bem mais econômicas de marketing, mas que também conseguem trazer um retorno eficiente. Você mesmo poderá fazer algumas ações, como criar publicações para o seu blog ou redes sociais, enviar e-mails aos seus pacientes com novidades na sua clínica, participar de eventos do seu setor, dar palestras nesses eventos ou criar eventos on-line, como webinars.

Em quais estratégias de marketing vale a pena investir inicialmente?

É muito difícil falar sobre uma única ferramenta ou estratégia que funcione de forma adequada para todas as clínicas de odontologia. Afinal, tudo dependerá de quem você deseja atingir, em quanto tempo e com qual orçamento.

Assim, para algumas clínicas poderá ser mais vantajoso, em um primeiro momento, trabalhar de forma mais agressiva nas mídias sociais, enquanto outra poderá se beneficiar mais com uma boa assessoria de imprensa, por exemplo, principalmente para quem atende pessoas que não estão muito familiarizadas com o universo digital.

Por isso, separamos alguns tipos de estratégias de marketing que podem ser interessantes conhecer. Confira:

Marketing indireto

É um tipo de marketing que visa fazer com que a marca penetre na mente do consumidor de maneira indireta, ou seja, é a publicidade sendo aliada a um contexto externo.

Um bom exemplo é o patrocínio esportivo, quando os nomes das empresas estampam as camisetas dos jogadores ou as placas do estádio de futebol fazem com que as pessoas que assistem às partidas estejam o tempo todo em contato indireto com o seu negócio.

Marketing direto

É uma técnica mais ativa e que busca prospectar e captar novos pacientes quando aplicado a uma clínica odontológica. Algumas das ferramentas usadas por esse tipo de marketing são análise de investimento do retorno, pesquisa de mercado, pesquisa dos perfis dos potenciais clientes etc.

Ao contrário do anterior, nesse tipo de estratégia o foco é trazer retorno em curto espaço de tempo, destacando, quase sempre, o aumento de vendas.

Marketing de relacionamento

Tem sido muito valorizado atualmente, e o seu foco é melhorar o relacionamento entre uma marca e seus consumidores. As estratégias, portanto, são usadas de maneira a melhorar o atendimento, tornar o produto ou serviço mais próximo das expectativas dos consumidores, criar programas de fidelização, entre outras ações que foquem a satisfação do público-alvo.

Endomarketing

É o marketing com foco no público interno de uma empresa, ou seja, os colaboradores, os fornecedores e outros que estejam envolvidos com a parte interna do negócio.

O objetivo é deixar essas pessoas mais motivadas e alinhadas com os valores da marca, trabalhando de maneira positiva e também ajudando a passar uma imagem sólida da empresa, conquistando novos consumidores.

Marketing social

É quando a marca se associa a uma organização não social ou a uma causa social, ajudando a reforçar a imagem positiva da empresa e ainda mostrando que a marca está preocupada com as questões sociais e com melhorias na sociedade como um todo.

É claro que essa deve ser uma relação de ganha-ganha, e você poderá, por exemplo, fazer doações de determinada parte do lucro de um dos seus dias em prol de uma entidade ou causa, oferecer seus serviços a comunidades carentes, e assim por diante, usando isso como método de divulgação positiva.

Inbound marketing

É uma maneira mais recente de conquistar os consumidores, buscando atrair o interesse dessas pessoas pela sua marca e pelo seu mercado, oferecendo informações interessantes e um contato mais próximo.

Diferentemente das técnicas tradicionais, esse é um marketing menos invasivo e que usa estratégias que buscam afirmar a autoridade da marca dentro do seu nicho de atuação.

Marketing de conteúdo

É uma estratégia bastante usada dentro do inbound marketing, sendo uma ótima ferramenta de marketing para atrair novos consumidores por meio de uma oferta de conteúdo altamente relevante.

Para uma clínica odontológica, essa estratégia poderá funcionar a partir da criação de um blog e da oferta de conteúdos focados nas dúvidas principais dos seus pacientes sobre tratamentos, problemas dentários, cuidados com a saúde bucal etc.

A ideia é despertar a atenção dessas pessoas e ajudá-las a resolverem seus problemas, aumentando a confiança na sua marca.

Quais as principais estratégias de marketing digital?

O marketing digital está em alta e é uma ótima ferramenta capaz de ajudar tanto na prospecção de novos pacientes como na valorização e na diferenciação da sua clínica.

Contudo, vale salientar que, para ter sucesso, é indispensável que você sempre concentre as suas ações nas personas que definiu na sua estratégia. Ou seja, se a maioria dos seus pacientes usa o Facebook, por exemplo, não adianta investir fortemente no Instagram ou no Twitter, pois você poderá não ter retorno.

Veja algumas dicas interessantes:

Tenha um bom site

Não existe marketing digital sem a presença de um bom site. Afinal, é por meio dele que os seus pacientes poderão se informar sobre os seus serviços, sua experiência, suas especialidades, ver fotos da sua clínica, e assim por diante.

Por isso, comece do básico, desenvolvendo um site interessante e responsivo (ou seja, compatível com acessos via smartphone e tablet, por exemplo), com conteúdos informativos e interessantes, passando autoridade de marca e conhecimento.

Invista em SEO

SEO (Search Engine Optimization) é um conjunto de técnicas que ajudam a tornar o seu site mais bem classificado nos mecanismos de pesquisa, otimizando a sua estrutura e o seu conteúdo para as palavras-chave mais interessantes para o seu mercado.

Isso significa que, quando um possível paciente pesquisar sobre algo relacionado ao seu trabalho no Google, por exemplo, o seu site aparecerá bem colocado nos resultados.

Para sites novos ou que ainda não têm muito conteúdo, uma boa opção é investir em links patrocinados, que funcionam como propagandas na rede. É possível que esses anúncios apareçam tanto na página de pesquisa do Google como também em sites parceiros e na rede de display (YouTube, Google Shopping e outros).

Crie um blog

Já mencionamos o marketing de conteúdo. Ele é uma ferramenta bem interessante para que você consiga atrair mais atenção para a sua marca, engajar o seu público e ainda se posicionar melhor para as palavras-chaves do seu nicho.

Mas, para ter sucesso, é preciso desenvolver conteúdos focados nas suas personas, usar técnicas de SEO para melhorar o ranqueamento, pensar nas palavras-chave mais adequadas, divulgar corretamente os conteúdos e fazer postagens periódicas.

Invista nas redes sociais

As redes sociais são importantes atualmente, ajudando a conectar pessoas e também pessoas e marcas. Por isso, é indispensável a sua presença naquelas que os seus pacientes mais usam.

Você também pode pensar em criar conteúdos exclusivos para essas redes sociais, procurando resolver as dúvidas e os problemas dos seus seguidores, e não apenas divulgar a sua marca.

Existem muitas ações bacanas que você pode fazer nas suas redes sociais, como incluir vídeos curtos e explicativos sobre cuidados com a saúde bucal, divulgar os conteúdos do seu blog, criar um grupo exclusivo dos pacientes da sua clínica, criar eventos on-line como webinars e muitas outras ações.

Pense em campanhas de e-mail marketing

O e-mail marketing é essencial em qualquer estratégia de marketing digital, ajudando a conectar a sua clínica com os seus pacientes e ainda prospectar novos pacientes.

Você poderá criar uma newsletter no seu blog ou captar os contatos de e-mail das pessoas com a promoção de conteúdos ricos (como e-books ou webinars). Na sequência, programe envios sistemáticos com dicas de conteúdos que você postou no seu blog e que estão alinhados com os interesses dessas pessoas, promoções exclusivas, entre outras ações.

Além dessas, é claro, existem inúmeras outras estratégias que podem ser mais ou menos interessantes dependendo dos seus objetivos.

Como investir em marketing offline?

Embora o marketing digital esteja em franco crescimento, o marketing offline também tem o seu valor, e muitas pessoas ainda utilizam os meios tradicionais para se informar e conhecer novas marcas e empresas. Veja algumas ideias:

Cartões de visita

Os cartões de visita podem ser uma ótima ferramenta de divulgação ou uma péssima ideia dependendo de como são usados. Para uma feira ou um evento de negócios, por exemplo, ele ainda é indispensável, ajudando no seu networking.

Você também pode deixá-lo em pontos estratégicos, tentando realizar parcerias com outros profissionais de saúde, ou em ambientes que tenham relação com o seu público-alvo.

Outra ideia é usá-los como cartões de agendamento (aqueles com os dias e os horários das consultas) — assim, os pacientes sempre estarão em contato com a sua marca.

Revistas, jornais e TV

A mídia tradicional ainda é extremamente forte e tem o seu papel na hora de fortalecer a imagem de uma marca ou de um profissional.

Você pode criar um bom relacionamento com a mídia local desenvolvendo conteúdos para revistas e jornais da sua cidade sobre saúde bucal, tratamentos estéticos, implantes dentários e outras informações interessantes.

Aparecer de maneira espontânea nesses veículos é uma ótima forma de propaganda porque ajuda a fortalecer a sua imagem como um especialista no seu setor.

Mala direta para potenciais clientes

Outra ideia bastante interessante é usar a famosa mala direta. Você pode traçar um raio de potenciais pacientes no seu bairro ou na sua região e programar cartões interessantes ou panfletos específicos, procurando despertar o interesse dessas pessoas em telefonar para a sua clínica.

Como unir estratégias de marketing online e offline para consultórios odontológicos?

Para ter ainda mais resultado, é muito importante que você pense na sua estratégia de marketing de maneira global e integrada, ou seja, aliando suas ações online e offline.

Algumas dicas são fundamentais nesse sentido, como:

  • desenvolva uma identidade visual para a sua clínica e use-a em todas as suas comunicações (mantendo o mesmo logotipo, o mesmo padrão de cores e de tipografia etc.);
  • pense em ações que façam uma conversão entre os dois ambientes, como panfletos ou cartões de visita com QR-Code que redirecionem para uma página específica no seu site ou no seu blog;
  • capte o contato de e-mail dos seus pacientes no próprio consultório, criando uma lista de contato exclusiva para essas pessoas, comunicando novidades na clínica, tratamentos diferenciados, conteúdos exclusivos e muito mais;
  • insira links para uma página específica nas suas comunicações offline, como anúncios em panfletos, conteúdos em jornais e revista etc., oferecendo mais conteúdos exclusivos nesses ambientes.

Quanto mais focadas e diferenciadas forem as suas ações, maiores as chances de chamar a atenção do seu público e de conseguir aumentar as suas taxas de conversão.

Como você viu, montar uma boa estratégia de marketing para a sua clínica de odontologia depende, basicamente, de conhecer quem você deseja atingir e entender os diferentes tipos de marketing e as ferramentas disponíveis, sempre metrificando as suas ações e acompanhando os resultados de tempos em tempos.

O importante é tentar entender as dúvidas e os dilemas do seu público-alvo, desenvolvendo ações que visem responder a essas questões e ainda fortalecer a imagem do seu consultório e de você como profissional e especialista no seu setor.

Quanto mais você entender quem forma o seu público-alvo, mais fácil será pensar em estratégias e campanhas realmente efetivas, com ações de marketing para fidelizar clientes e prospectar novos pacientes.

Além de todas estas dicas que demos, outra estratégia de marketing interessante é o uso do WhatsApp como um diferencial para o seu consultório. Quer saber mais sobre esse assunto? Leia o nosso post exclusivo!

Oral Sin Franquias

Author Oral Sin Franquias

More posts by Oral Sin Franquias

Join the discussion One Comment

Deixe seu comentário