Uma franquia odontológica segue a mesma filosofia de outros negócios baseados no modelo de franchising. Isso significa que se você pensa em se tornar um franqueado, com certeza vai ouvir diversas histórias fantasiosas sobre abrir uma franquia. Por isso, nem sempre é seguro acreditar em tudo que ouve sem antes verificar a veracidade das informações.

Abrir uma franquia não é garantia de sucesso, como muitas pessoas pregam, pois é necessária muita dedicação do franqueado. E além dessa, há diversas outras informações impertinentes sobre o franchising que são divulgadas frequentemente, inclusive na internet.

Por isso, criamos este post, para desmistificar alguns pontos que são disseminados erroneamente em relação ao franchising, Confira!

1. Abrir uma franquia não dá liberdade para o franqueado criar e inovar no negócio

Um dos maiores mitos em relação às franquias é a falta de liberdade para propor melhorias ao negócio. Embora todas as unidades da rede tenham processos padronizados, o franqueado tem total liberdade para sugerir melhorias para o empreendimento.

É claro que as sugestões serão analisadas pela franqueadora e caso sejam benéficas, serão aplicadas em todas as unidades da rede. As melhorias não só são aceitas, como algumas marcas premiam os franqueados proativos, que estão sempre dando ideias de como aperfeiçoar o negócio. Assim, todos saem ganhando e a rede só cresce.

2. Ser franqueado significa ter que trabalhar menos

Um negócio não gera lucro sozinho e com uma franquia não será diferente. Muitas pessoas pensam que ao abrir uma franquia terão que trabalhar menos. Bom, isso é um mito, pois como diz aquele velho ditado: “É o olho do dono que engorda o gado”.

Um franqueado que deseja ter sucesso deve estar presente todos os dias na empresa, orientando funcionários, acompanhando os procedimentos e identificando possíveis gargalos. Ele deve ser o primeiro a chegar e o último a sair.

Claro que com uma franquia odontológica, você não vai precisar trabalhar domingos e feriados, mas terá que se dedicar integralmente ao negócio.

3. Escolher uma marca consolidada é garantia de sucesso

Uma marca conhecida também não é garantia de sucesso, pois é preciso investimento em marketing e propaganda para que você consiga angariar pacientes. E mais: é necessário identificar seu público-alvo para que sejam utilizados os canais de comunicação certos.

Além disso, você deve ficar atento se a franqueada é uma empresa que está sempre buscando melhorias para seus serviços ou se já está acomodada com o sucesso. Lembre-se que mesmo uma marca consolidada pode perder mercado, caso não invista em inovação e melhorias na qualidade dos serviços.

4. Abrir uma franquia é garantia retorno financeiro rápido

Uma informação comumente divulgada nas mídias é essa: abra uma franquia e tenha retorno financeiro mais rápido. Mesmo que o modelo de franchising ofereça um retorno sobre investimento em espaço menor de tempo do que ao abrir um negócio do zero, simplesmente se tornar um franqueado não é garantia de bons ganhos logo do início.

Geralmente, o retorno chega entre 12 e 36 meses do início do negócio, o que não é um tempo tão curto assim para quem investiu um bom dinheiro para abrir sua empresa.

O sucesso de um negócio depende de uma soma de fatores que necessitam da dedicação do franqueado. Então, se você deseja abrir uma franquia odontológica, precisa ter uma boa organização financeira, trabalhar duro e ainda divulgar seus serviços para seu público.

O retorno pode vir até mesmo bem antes do esperado, mas, isso não tem a ver com o fato de você ser um franqueado, mas sim, um empreendedor competente, que veste a camisa para o negócio dar certo.

5. Ser franqueado é não correr riscos

Abrir um negócio implica em uma série de riscos e você pode tanto ter sucesso quanto prejuízos, caso o negócio não dê frutos. Muitos empreendedores escolhem o modelo de franchising porque ele oferece menos riscos para o franqueado, pois ele terá todo o apoio da franqueadora.

Mas, como todo e qualquer negócio, os riscos existem. E como já dissemos, a dedicação do franqueado faz toda a diferença no sucesso do negócio.

6. Qualquer pessoa pode se tornar um franqueado

O fato de ser dentista e trabalhar na área não qualifica você para ser um franqueado. É necessário que você tenha um perfil empreendedor e esteja disposto a trabalhar duro para que o negócio cresça.

Antes de integrar um empreendedor à rede, a franqueadora faz entrevistas individuais, oferece palestras e treinamentos e ainda faz testes para identificar a afinidade do candidato com a marca.

Além disso, é preciso se adaptar às regras e modelos da franqueadora. Um empreendedor que não esteja disposto a trabalhar dentro dos parâmetros da marca franqueada não tem perfil para ser um franqueado. Isso porque mesmo que a franqueadora dê liberdade para sugestões de melhorias, elas devem ser analisadas antes de serem colocadas em prática.

7. Abrir uma franquia é a melhor opção para quem deseja empreender

Nem sempre. Embora a taxa de mortalidade seja menor do que em negócios convencionais, há pessoas que não se adaptam ao modelo de franchising, pois nem todos conseguem trabalhar com um padrão formatado de trabalho.

Durante a vigência do contrato, o franqueado tem responsabilidades definidas e precisa executá-las da melhor maneira possível.

Além disso, o franqueado precisa pagar taxas e royalties à franqueadora para que tenha direito de usar a marca da empresa e os serviços agregados, Quem não está disposto a pagar esse preço não tem perfil para fazer parte de uma rede de franquias, seja qual for o segmento da empresa escolhida e vai precisar correr atrás de todo conhecimento e ferramentas que elas oferecem.

Então, se você pensa em ser um dentista empreendedor e abrir uma franquia odontológica, deve pensar bem antes de tomar uma decisão. Claro que o investimento pode valer muito a pena, mas ter o perfil para trabalhar com esse modelo de negócio é o que fará toda a diferença na hora de colher os resultados.

Se você acha que tem um perfil de dentista empreendedor e quer investir em um negócio de sucesso na odontologia, você deve conhecer a Oral Sin, a maio rede de Implantes Dentários do Brasil. Quer saber mais sobre a empresa, seus diferenciais e sobre como se tornar um franqueado Oral Sin? Então, entre em contato conosco. Nossos consultores terão prazer em atendê-lo.