O scanner intraoral é uma das maravilhas que a tecnologia desenvolveu em favor da odontologia. Se você ainda não tem no seu consultório, pois acha o investimento muito alto, é melhor rever seus conceitos.

Vale lembrar que a concorrência no mercado atualmente é grande e os pacientes podem escolher a dedo o profissional que irá cuidar do sorriso deles. Por isso, você deve oferecer sempre o que há de melhor para atrair e fidelizar pacientes.

No post de hoje, falamos sobre o scanner intraoral e como essa ferramenta pode ajudar a melhorar a qualidade do seu atendimento no consultório. Confira!

Como funciona o scanner intraoral?

Esse aparelho veio para substituir os famosos modelos de gesso, pois reproduz de forma digital os dentes do paciente. O scanner consegue realizar uma leitura completa da arcada dentária com uma câmera intraoral e os dados capturados são enviados para o computador, que cria uma imagem em 3D de altíssima qualidade. Depois esse material é entregue a um laboratório que faz a fresagem com uma impressora 3D. Caso você queira diminuir o trabalho, pode comprar o equipamento completo — scanner intraoral e impressora — e concluir o serviço no consultório mesmo.

Onde é possível adquirir?

Se você tem interesse em comprar um scanner intraoral para seu consultório é bom dar uma boa pesquisada na internet. Assim, você conhece um grande número de marcas e modelos e consegue escolher o equipamento ideal para você.

O aparelho pode ser encontrado no site dos fabricantes e também em lojas específicas de equipamentos odontológicos. Dependendo da marca, a compra pode ser feita até mesmo on-line, em sites específicos para vendas. Mas é bom tomar cuidado para não adquirir o equipamento de procedência duvidosa. O ideal é você entrar em contato com um fornecedor e solicitar a visita de um representante comercial para que ele faça a demonstração do produto e esclareça possíveis dúvidas.

Quanto custa um scanner?

Os valores de um scanner intraoral dependem da marca e do modelo do equipamento. As câmeras intraorais portáteis, que são mais simples, custam menos, já os scanners pedem um valor de investimento mais alto.

Desse modo, você pode encontrar equipamentos disponíveis no mercado com essa tecnologia desde a soma de pouco mais de R$ 600,00 até a quantias acima de R$ 100.000,00. Como já dissemos: depende da marca e modelo do scanner.

Quais os benefícios de usar no consultório?

Você deve estar se perguntando por que deveria investir nesse tipo de equipamento para seu consultório. O objetivo deste post é justamente responder a essa questão. Abaixo, listamos alguns benefícios de adquirir um scanner intraoral.

Mais rapidez durante os procedimentos

O escaneamento da boca do paciente é feito em no máximo 5 minutos. Isso é um tempo recorde se comparado à moldagem tradicional. Não há necessidade de repetições, caso o primeiro molde não saia bem-feito.

Ao contrário do molde de gesso, que deve secar antes de ser enviado ao laboratório, as imagens em 3D podem ser enviadas imediatamente. Caso você adquira também a impressora, uma coroa pode ser confeccionada dentro do consultório em poucos minutos, por exemplo. Sendo assim, os tratamentos são finalizados em um espaço de tempo muito menor, o que garante maior faturamento no final do mês.

Mais conforto ao paciente

Essa tecnologia traz mais conforto ao paciente, pois não há aquele incômodo de ter um material viscoso na boca. Além disso, não há riscos de a pessoa se engasgar no processo de moldagem.

Alta precisão na captação de imagens

A precisão da captura das imagens por um scanner intraoral é impressionante, pois é superior à moldagem tradicional. A máquina faz uma reprodução fiel da boca do paciente, capturando as cores naturais de seus dentes e gengivas.

Esse fator proporciona um tratamento mais eficaz, porque próteses, coroas ou qualquer outro material de reabilitação serão confeccionados de forma mais adequada à anatomia e às expectativas do paciente.

Nada de sujeira

Criar um molde de gesso faz bastante sujeira dentro do consultório, certo? Com o scanner intraoral, esse problema não existe. O alginato e o gesso são dispensáveis, além das moldeiras e os recipientes para preparar a mistura para a moldagem.

Bom custo-benefício

Embora o investimento inicial possa ser alto para a aquisição de um scanner intraoral, com o tempo você pode notar uma economia no consultório. Faça as contas de quanto você gasta com moldeiras, alginato, gesso e outros utensílios para moldagem. Com o novo equipamento, todo esse material será desnecessário, o que traz economia a longo prazo.

Com o scanner intraoral, você pode avaliar a situação clínica do paciente com muito mais segurança. O equipamento permite até mesmo que você consiga analisar a densidade óssea de uma pessoa antes de um implante, por exemplo.

Segurança no armazenamento de imagens

Se você trabalha há muito tempo e tem muitos pacientes sabe o trabalho que dá armazenar aquele monte de modelos. Além disso, é possível que eles sejam danificados ao longo do tratamento, pois pode acontecer algum acidente com o modelo, tanto durante o transporte entre o laboratório e o consultório quanto durante o manuseio.

Com o scanner intraoral esse risco não existe, pois todas as imagens são armazenadas de forma digital. Então, não há perigo nem de perder e muito menos de o modelo sofrer algum dano.

Facilidade de aprender a usar o equipamento

Quando você adquire um equipamento desses, recebe um treinamento para utilizá-lo. Eles funcionam com softwares específicos, que podem ser instalados em seu notebook. Não há segredo para operar o programa e certamente você vai conseguir aprender com facilidade.

Mais pacientes em seu consultório

Muita gente não gosta de ir ao dentista e todos sabemos disso. Então, se você oferece um serviço de melhor qualidade, com um tratamento mais confortável e rápido, a tendência é que o número de pacientes em seu consultório aumente cada vez mais.

Agora que você já sabe os benefícios do scanner intraoral, está na hora de seguir nosso perfil no Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube para ficar por dentro das novidades ligadas à odontologia.